5 Dicas Para Educar seus Filhos e Torná-los Mais Felizes

Atualizado: Mar 6

Por Mariana Sabbag: Psicanalista, Psicopedagoga, Especialista em Neurociências, Eduação Infantil. Escritora e pesquisadora com carreira Nacional e Internacional.


Por trás de um choro, existe sempre um grito de socorro! Saiba Como Lidar com inúmeras situações!




Bem-vindo ao post no meu blog. Deixe seu comentário e responderei o mais rápido possível!

Estou em meu 7º livro editado na Área Educacional, nesta matéria estão fragmentos de dicas extraídas do meu próximo lançamento: “25 Dicas e Intervenções Para Educar Seus Filhos e Torná-los Mais Felizes”. Espero que gostem!

1- Diga “NÃO” apenas UMA VEZ!

Quando você fizer um pedido ou disser “NÃO” ao seu filho, ele deve saber que não existe outra possibilidade a não ser OBEDECER. Se ele repete a pergunta, começa a discutir ou fazer manhas, não ceda, pois, ao ceder, ele aprenderá que não precisa respeitar sua palavra e pode impor os limites que bem entender, afinal, “você acabará fazendo o que ele quer”. Pense muito, converse, fale e escute antes de dizer “NÃO”, e quando disser, não volte atrás. Caso contrário você estará assinando um atestado de ausência de controle.

Entendo perfeitamente que não é fácil, muitas vezes as mães estão esgotadas e para que a criança “sossegue”, acabam “permitindo”, pois dessa forma imagina-se que haverá “paz”. Porém, essa paz é fictícia e temporária. Não seria melhor que pudéssemos ter em nosso lar uma paz permanente e real? Quando um quadro desses está acontecendo na infância, imagine como será na juventude!


2- Atrás de gritos, manhas, choros, entre outras expressões agressivas, sempre existe um pedido de socorro!

Saiba que sua queixa é sempre o motivo secundário, por trás daquilo que você está vendo, existe um motivo primário que está causando os problemas. Crianças e jovens que apresentam “problemas” estão apenas querendo dizer algo, e ao investigar, podemos perceber os motivos e intervir, ajustando tudo que está fora do lugar, para que seus “gritos” internos se acalmem. O resultado é surpreendente!

Procure analisar se você está oferecendo o que seu filho necessita, eu disse: NECESSITA! Muitas vezes são os excessos que atrapalham o comportamento da criança.

Por isso antes de pensar que tudo está perdido, antes de brigar, antes de culpar seu filho ou culpar-se pela indisciplina do mesmo, pense em todos os fatores que podem estar desencadeando os comportamentos indesejáveis.


3 – Saiba que o Presente mais desejado pelo seu filho é de graça!

São inúmeros os motivos pelos quais presenteamos nossos filhos, quase sempre nos esforçando e gastando até o último centavo que podemos. São as datas comemorativas, motivos inconscientes, como por exemplo, mães que trabalham fora muitas vezes tentam “repor” esse tempo que não têm ao lado dos filhos, oferecendo presentes e permissões excessivas. Seu filho não precisa e nem deseja todos os brinquedos mais caros para ser feliz. Seu filho quer somente momentos com qualidade ao seu lado, nem que esse tempo seja apenas 10 minutos por dia, o que vale é a qualidade e intensidade!


4- Procure ajuda profissional!

Ao contrário do que muitos pensam, um consultório de psicologia, psicanálise ou psicopedagogia, não é um lugar para “loucos”. Quando estamos envolvidos emocionalmente em uma determinada situação, muitas vezes possuímos uma visão distorcida ou limitada das situações, nos impossibilitando de enxergar o quanto pode ser simples a resolução de nossos problemas. Nestes casos uma ajuda profissional pode resolver os seus problemas em um curto período.


5- Não entre em pânico se seu filho receber um encaminhamento para avaliações psicopedagógicas e/ou psicológicas.

Se seu filho recebeu um encaminhamento para um desses profissionais, você deve procurá-los da mesma forma que procura um médico quando ele está gripado, isso é algo comum. Para tudo existe tratamento, porém, da mesma forma que uma gripe sem tratamento pode facilmente se transformar em uma pneumonia, uma pequena dificuldade comportamental ou cognitiva pode desencadear outros problemas. Não se apavore, apenas cuide!


Quero estar mais próxima de todos vocês e contribuir da melhor forma possível, afinal, tudo que construímos juntos apresenta um resultado melhor. A cada edição abordarei diferentes assuntos, para que eu possa contribuir com assuntos interessantes, abro um espaço em meu site www.marianasabbag.com, colocando-me disposição de todos! PARTICIPE!

Um forte e carinhoso abraço a todos!

Mariana Sabbag


83 visualizações

Av. São João, 2375, Jardim Aquarius, 19º andar - Salas 1909 e 1910 - Ed. Helbor Offices - São José dos Campos/SP - Brasil - CEP 12242-000

12 99125-2021 | 12 98278-1000

inieds@hotmail.com

Envie sua Mensagem

© 2019 by INIEDS. Instituto Internacional de Educação e Saúde